EXCLUSIVE MAGAZINE INTERVISTA DAMIAN HOLLIS DEL BENFICA BASQUETEBOL

Sei un grande giocatore, dopo che hai giocato con Brescia in Italia ed hai vinto il campionato, perchè cambiare squadra e nazione?

Grazie ma non penso io sia un grande giocatore. Sono stato davvero fortunato di essere in una squadra che mi ha fatto giocare come volevo. Ho cambiato principalmente perchè volevo cambiare. Un cambio di paese e io anche volevo una chance di giocare in competizioni europee. Aiuta il fatto che ho avuto modo di realizzare uno dei miei sogni cioè giocare in una capitale.

E’ più difficile il campionato Portoghese?

Alcune partite sono più difficili che in Italia.

Qual è il tuo sogno? 

Io il sogno lo sto vivendo adesso. Sono arrivato a giocare a basket e a vivere in Europa. Ci sono alcuni giorni dove è difficile ma se fosse stato sempre facile non varrebbe la pena.

Pensi di tornare in Italia?

Io non sono sicuro se ritornerò in Italia ma non so mai il mio futuro cosa mi riserverà. La mia carriera ha avuto un sacco di cambi che non mi sarei aspettato

Qual è il tuo miglior ricordo di Brescia?

Uno dei migliori ricordi era quando abbiamo perso con Casale nella prima gara della coppa. Era un allarme per me che mi aiutò e realizzai che avevo bisogno di un cambiamento se voleva avere una chance di vincere il campionato.

Qual è il miglior giocatore che hai visto nella tua carriera?

Uno dei migliori giocatori che io ho visto nella mia carriera sarebbe stato mio padre. Quando ero piccolo  andai in Spagna per alcuni dei suoi Summer Camps e sulla strada le persone lo osannavano per la sua forza. Non ho mai visto tanto amore che loro dimostravano per lui ad un’altra persona nella mia vita

Com’è giocare in una squadra internazionale?

Giocare in una squadra internazionale è un’esperienza diversa. Ci sono diversi giocatori, allenatori e modi di allenare. Mi ha rinforzato e ora penso di più di quando giocavo una partita in settimana a Brescia.

Chi è Damian Hollis?

Damian Hollis è un normale ragazzo che gioca a Basket. Il basket non è la mia vita ma occupa una buona parte di essa. Io lavoro duro per trovare la strada della vittoria perchè a nessuno piace perdere. E’ più divertente vincere un campionato e poi ritornare a casa per una vacanza.

//////////////////////////////////////ENGLISH VERSION//////////////////////////////////

You’re a great player, after that you played in Italy with Brescia and you won the league, why to change nation and team?

Thank you but I dont think I am a great player. I have been very lucky to be on teams that allowed me to play my game. I changed mainly because i wanted a change. A change of countries and I also wanted a chance to play in euro competition. It helps that i got to fulfill one of my dreams to play in a capital city also.

It’s more difficult the Portugueise League?

Some of the games in portugal are more difficult than in italy.

 What is your dream?

I’m living my dream right now. I get to play basketball and live in europe. There’s some days where it is difficult but if it was always easy than it wouldnt be worth much

Do you think to return in Italy?

I’m not sure if i will return to Italy but i never know what the future holds for me. My career has had a few turns that i didnt expect.

Which is your best memories of Brescia?

One of my best memories was actually losing to Casale in the first game of the cup. It was an alarm for me that helped me realize that I needed to make a change if we wanted a chance in winning the league.

 Who is the greatest player that you saw in your career?

One of the greatest players I saw in my career would have to be my father. When i was small I would go to Spain for some of his summer camps and the way people would greet him was amazing. I have never seen the amount of love that they show for him for any other person during my life.

How is to play in an international team?

Playing internationally is a different experience. There are many different players, coaches, and coaching styles to adjust to. It forces me to react and think more than when i was playing one game a week in Brescia.

 Who is Damian Hollis?

Damian Hollis is a regular guy that plays basketball. Basketball isn’t my life but it its a big part of it. I work hard to find a way to win because nobody likes to lose. It’s much more fun being able to celebrate a championship than to go home for vacation early

/////////////////////////////PORTUGUESE VERSION////////////////////////

Você é um grande jogador, depois que você jogou na Itália com Brescia e você ganhou o campeonato, por que mudar de nação e equipe?

Obrigado, mas eu não acho que eu sou um grande jogador. Tenho tido muita sorte em estar em equipes que me permitiram jogar o meu jogo. Eu mudei principalmente porque eu queria uma mudança. Uma mudança de países e eu também queria uma chance de jogar na competição euro. Ajuda que eu tenho que cumprir um dos meus sonhos para jogar em uma cidade capital também.

É mais difícil a Liga Portuguesa?

Alguns dos jogos em portugal são mais difíceis do que na itália.  

Qual é o seu sonho?

Estou vivendo meu sonho agora. Eu começo a jogar basquete e viver na europa. Há alguns dias onde é difícil mas se fosse sempre fácil do que não valeria a pena muito

Você acha que vai voltar na Itália?

Não tenho certeza se vou voltar para a Itália, mas eu nunca sei o que o futuro reserva para mim. Minha carreira teve algumas voltas que eu não esperava.

Quais são suas melhores lembranças de Brescia?

Uma das minhas melhores lembranças foi realmente perder para Casale no primeiro jogo do copo. Foi um alarme para mim que me ajudou a perceber que eu precisava fazer uma mudança se quiséssemos uma chance de ganhar a liga.

Quem é o maior jogador que você viu em sua carreira?

Um dos maiores jogadores que eu vi na minha carreira teria que ser meu pai. Quando eu era pequeno eu iria para a Espanha para alguns de seus acampamentos de verão e as pessoas forma iria cumprimentá-lo foi incrível. Eu nunca vi a quantidade de amor que eles mostram para ele para qualquer outra pessoa durante a minha vida.

Como é jogar em uma equipe internacional?

Jogar internacionalmente é uma experiência diferente. Há muitos jogadores diferentes, treinadores e estilos de treinamento para se adaptar. Isso me força a reagir e pensar mais do que quando eu estava jogando um jogo por semana em Brescia.  

Quem é Damian Hollis?

Damian Hollis é um cara normal que joga basquete. O basquetebol não é a minha vida, mas é uma grande parte dela. Eu trabalho duro para encontrar uma maneira de ganhar porque ninguém gosta de perder. É muito mais divertido ser capaz de comemorar um campeonato do que ir para casa para férias mais cedo

82 pensieri riguardo “EXCLUSIVE MAGAZINE INTERVISTA DAMIAN HOLLIS DEL BENFICA BASQUETEBOL

Lascia un commento

Il tuo indirizzo email non sarà pubblicato.